Praia do Patacho recebe renovação do Selo Bandeira Azul para a temporada 2022/23

Os júris nacional e internacional do Programa Bandeira Azul deram parecer favorável à concessão da certificação à Praia do Patacho, em Porto de Pedras, Litoral Norte de Alagoas, para a temporada 2022 / 2023. O hasteamento deve acontecer até o dia 15 de novembro.

A Praia do Patacho conquistou pela primeira vez o Selo Bandeira Azul em dezembro do ano passado.

Segundo a secretária municipal de Turismo de Porto de Pedras, Zélia Cavalcanti, para a renovação do Selo o Programa Bandeira Azul faz uma série de exigências anuais, que foram cumpridas.

“Na verdade, temos que cumprir as mesmas obrigações de quem está se habilitando pela primeira vez, entre elas a comprovação da qualidade da água. Fazemos essa coleta em parceria com a Sedetur (Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo)”, explica a secretária.

Ela informa que durante o ano são feitas, no mínimo, 20 coletas.

“O material vai para laboratório e esses dados são repassados para o monitor do Bandeira Azul, na praia. Também são exigências o controle de barracas no perímetro, a limpeza permanente, ações de educação ambiental na comunidade e com todos os atores do processo”, ressalta, acrescentando que toda a reorganização paisagística da área foi feita, com a instalação de bases da Guarda Ambiental e do Corpo de Bombeiros.

Hasteamento deve acontecer até o dia 15 de novembro, na Praia do Patacho (fotos: Felipe Camello)

A secretária lembra, ainda, que uma série de documentos e de licenças precisa ser providenciada junto a órgãos como o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Instituto do Meio Ambiente (IMA), Corpo de Bombeiros e Marinha do Brasil.

“Destaco a parceria fundamental com a Sedetur, que tem nos apoiado, inclusive, com recursos através de convênio para a revitalização da área do Patacho”, acrescenta.

Programa

O Programa Bandeira Azul é uma das mais importantes certificações ambientais do mundo. Criado em 1987, o selo é concedido pelo instituto dinamarquês Foundation for Environmental Education – Fee (Fundação para a Educação Ambiental), uma entidade credenciada pela ONU e a Unesco para avaliar a balneabilidade de praias e marinas em todo o mundo.

Atualmente, o Bandeira Azul é adotado por 46 países e tem como objetivo elevar o grau de conscientização dos cidadãos para a necessidade de proteger o ambiente marinho e costeiro e incentivar a realização de ações que conduzam à resolução dos conflitos existentes.

Acessibilidade é um dos critérios que precisam ser cumpridos para renovação da certificação

“Ser a única praia em Alagoas a ter esse selo nos dá grande responsabilidade e transforma o destino como um grande indutor do fluxo na região, principalmente de estrangeiros que valorizam as praias com este selo”, conclui a secretária.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s