Ponte do passeio do peixe-boi será reconstruída em Porto de Pedras

A ponte de madeira sobre o Rio Tatuamunha, em Porto de Pedras, será reconstruída. O governador Renan Filho e o secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, João Paulo Tavares, assinaram, na manhã desta segunda-feira (21), a ordem de serviço para início das obras, orçadas em R$ 909.881,68.

Combalida, estrutura em madeira será reconstruída, ofertando mais segurança aos usuários (Foto: Severino Carvalho)

A nova estrutura terá 350 metros de extensão. O prazo previsto para a entrega é de 90 dias. O equipamento vai beneficiar os moradores do povoado Tatuamunha e voltará a fomentar a atividade turística, por meio do passeio de observação do peixe-boi marinho.

Até 2014, a ponte era utilizada pela Associação Peixe Boi, que oferta o passeio turístico de contemplação do mamífero aquático. Com o avanço da deterioração, a entidade deixou de usar a estrutura temendo a ocorrência de acidentes. Com isso, foi obrigada a mudar o ponto de embarque dos turistas, que por meio de jangadas fazem o passeio, um dos mais procurados do Litoral Norte de Alagoas.  

“A ponte sobre o Rio Tatuamunha é essencial para que o turismo aconteça, não só para o passeio do peixe-boi, como também para o desenvolvimento comunitário. Ela vai agregar mais valor ao passeio, que é fonte de renda para muitas famílias”, declarou a presidente da Associação Peixe Boi, Flávia Rêgo. A entidade possui 40 associados, entre jangadeiros e condutores do passeio.

“Essa é uma obra que vai garantir a preservação do meio ambiente, potencializar o turismo, ampliando as possibilidades de visitação; e melhorar a vida das pessoas daqui, porque também dá acesso a outras comunidades”, destacou Renan Filho.

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito, também participou da solenidade. Ele lembrou que Porto de Pedras é um destino completamente diferente dentro de Alagoas, integrante da Rota Ecológica e também da Área de Proteção Ambiental (APA) Costa dos Corais.

“Nossa missão é manter estas características tão específicas da região, o contato direto com a natureza em sua essência. A reconstrução da ponte sobre o Rio Tatuamunha é um passo importante desse nosso compromisso, permitindo o desenvolvimento do turismo sustentável da região”, ressaltou Brito.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s