Fluxo de passageiros cresce 62,5% em aeroporto de AL

O fluxo total de passageiros no Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares cresceu 62,5% em um mês, no comparativo entre agosto e julho deste ano. Já com relação a abril, primeiro mês de impacto da pandemia na malha aérea, o crescimento é de 495%.

A informação é da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) com base em dados da AENA Brasil, entidade responsável pela administração do equipamento.

Em números totais, quase 43 mil passageiros passaram pelo Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares durante todo o mês de agosto. Em julho, este número era de pouco mais de 26 mil.

Já em abril, primeiro mês após a redução drástica da malha aérea do país em função da pandemia do novo coronavírus, o mesmo índice era de 7 mil pessoas.

O crescimento no fluxo de passageiros é resultado direto da ampliação da malha aérea alagoana, trabalho encabeçado pela Sedetur. Atualmente, Alagoas conta com sete voos diários com destino a São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Brasília (DF) e Salvador (BA). Em março, no período anterior à pandemia, este número era de 26 operações aéreas por dia.

De acordo com o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito, o crescimento no fluxo de passageiros está dentro do estabelecido como meta pela gestão estadual, que lidera a relação comercial com as companhias aéreas. 

“Seguimos crescendo de forma gradual, contínua, responsável e vitoriosa. Ainda no início da pandemia, traçamos um plano de trabalho junto aos principais players do setor para que o Destino Alagoas liderasse a retomada do turismo no Brasil. Fizemos isto concedendo incentivos às empresas aéreas e promovendo ações de marketing promocional com os mais fortes do mercado, promovendo os atrativos alagoanos e fazendo com que, assim que a operação aérea retomasse e as vendas iniciassem, Alagoas estivesse no topo deste ranking”, comentou Brito.

“Se seguirmos crescendo dessa forma, certamente atingiremos o patamar dos 70% da malha aérea – em comparação ao contingente pré-pandemia – ainda em dezembro, como havíamos previsto”, projetou.

Maceió

Outro indicador que mostra como a retomada do turismo em Alagoas tem sido de sucesso, foi a pesquisa da Omnibees, encomendada pela revista Panrotas, que revelou que Maceió é a capital do Nordeste com o maior número de reservas de hotéis no mês de agosto deste ano.

Desde o início da pandemia, a plataforma monitora mais de 5 mil empreendimentos hoteleiros no Brasil. Vinte cidades concentram 55,64% de todas as reservas geradas no Brasil pela plataforma Omnibees na última semana de agosto.

São Paulo (SP) lidera o ranking, seguida de Rio de Janeiro (RJ), Gramado (RS) e Ipojuca (PE), que completam o top 5 junto de Maceió (AL).


Com Ascom Sedetur

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s