Hoteleiros alagoanos criam estratégias comerciais para minimizar crise no setor

A crise econômica gerada pela pandemia do novo coronavírus em todo o mundo atinge diretamente a cadeia do turismo. Em Alagoas, onde a atividade corresponde à segunda maior matriz econômica do Estado, não é diferente. Por isso, na tentativa de minimizar os prejuízos e criar novas oportunidades de negócios, hoteleiros alagoanos estão investindo em novas propostas comerciais, com política de descontos, ofertas, remarcações e pacotes com atrativos.

O foco é proporcionar vantagens ao cliente que comprar visando uma viagem pós-pandemia, como conta Adriana Vasconcelos, diretora comercial da MME Hotéis, grupo responsável pelos hotéis Maceió Mar e Acqua Suítes, ambos na capital alagoana.

“Nós criamos algumas estratégias, repaginamos o site dos hotéis, focando na venda online, que já representava cerca de 20% das vendas e a tendência é crescer. Criamos vale viagem com desconto, onde o turista compra agora, viaja quando quiser e puder. Ainda estamos trabalhando com a remarcação de pacotes já vendidos até 2021”, explica.

Diretor comercial do grupo Ritz, também proprietário de dois hotéis em Maceió, Pietro Coelho conta que o objetivo é focar no turismo regional neste primeiro momento.

“Estamos focando as estratégias de vendas no público regional, com foco para a partir de agosto. Criamos pacotes que incluem vantagens, como todas refeições servidas no quarto, e produzimos conteúdo para que fique muito transparente para os consumidores as preocupações e a conduta que estamos adotando com relação as medidas sanitárias e higiênicas. Acredito que depois da recuperação da malha aérea no país, a nossa expectativa se torna positiva, porque teremos um consumo reprimido. As pessoas estão poupando dinheiro em casa e estarão disponíveis para viajar após a pandemia, principalmente para destinos de sol e mar, com praias belíssimas e atividades ao ar livre, como é o caso da nossa Alagoas”, disse.

Expectativas

Pesquisas de entidades do turismo revelam que o Nordeste e todos os destinos de sol e mar serão os mais procurados por turistas do mundo todo pós-pandemia. A notícia é mais um incentivo para os empresários de Alagoas, que lideram a busca por destinos nesta categoria no país. 

“Estamos em diálogo constante com os grandes players do setor, como as principais companhias aéreas e operadoras, com quem temos uma boa relação e acordos comerciais, que garantem que Alagoas esteja na vitrine destes que movem o mercado do turismo no mundo. É bem verdade que o setor será um dos que mais sofrerão com a crise durante e após a pandemia, mas estamos trabalhando forte para minimizar esses prejuízos e para garantir que, quem viajar na próxima alta temporada de verão, venha a Alagoas. Dessa forma, pretende-se assegurar a manutenção de empregos e oportunidades no setor no Estado”, ressaltou o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito.


Fonte: Ascom Sedetur

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s