São Miguel dos Milagres discute novo Mapa do Turismo

A Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) iniciou as visitas de mobilização e sensibilização dos gestores municipais para adesão das cidades alagoanas ao novo Mapa do Turismo. A proposta faz parte do processo de atualização, que acontece a cada dois anos e tem como objetivo identificar os destinos com potencial turístico no Estado, além de esclarecer as mudanças na lista de critérios obrigatórios para integrar o projeto.

Reunião em São Miguel dos Milagres ocorreu no Plenário Aderbal da Costa Raposo (Foto: Sedetur)

A programação de visitas às cidades teve início no dia 12 de março, na Barra de São Miguel, e prosseguiu nesta terça-feira (19), em São Miguel dos Milagres, na Costa dos Corais, Litoral Norte de Alagoas. A região turística também é conhecida como Rota Ecológica, formada ainda pelos municípios de Porto de Pedras e Passo de Camaragibe.

A reunião foi realizada na Câmara Municipal, no Plenário Aderbal da Costa Raposo Filho. Dia 26 será a vez de Arapiraca, se estendendo, posteriormente, a outras regiões turísticas.

Entre os compromissos e recomendações para a inclusão dos municípios na versão 2019, o Ministério do Turismo (Mtur) determinou a presença de um órgão responsável pelo turismo, orçamento próprio destinado ao setor, necessidade de um conselho de turismo ativo, participação de uma instância de governança, além da existência de prestadores de serviços turísticos que estejam registrados no Cadastur.

Agências de viagem, organizadoras de eventos, parque temático, acompanhamento turístico, guia de turismo, meios de hospedagem e transportadora turística estão entre as atividades assinaladas na Base de Cadastros Obrigatórios.

Atualmente, Alagoas conta com 67 cidades identificadas com vocação turística de acordo com a última atualização do Mapa do Turismo realizada em 2017. A ideia é que, conforme a política do governo federal, haja um refinamento dos municípios que, de fato, apresentem potencial voltado ao setor a partir da inserção destas novas exigências, como reitera o superintendente de Turismo da Sedetur, Paulo Kugelmas.

“É importante que apenas os municípios que tenham vocação turística façam parte do Mapa. Dessa forma, conseguimos disseminar e articular junto aos gestores municipais estratégias e políticas que fortaleçam as atividades do setor nestas cidades, promovendo o desenvolvimento regional do turismo no Estado. Além disso, ao longo de todo processo, estaremos à disposição para esclarecer dúvidas dos municípios sobre prazos, exigências e compromissos”, afirma.

A agenda de visitas às cidades é coordenada pela superintendência de Turismo da Sedetur.

Prazos

Os municípios que tiverem interesse em requerer sua inclusão no Mapa do Turismo de Alagoas 2019 terão do dia 1 de abril até o dia 30 de junho para o cadastramento e inserção dos documentos no Sistema de Informação do Programa de Regionalização do Turismo. A partir da adesão, todas as cidades inseridas serão beneficiadas por meio de políticas públicas federais e destinação de recursos do Ministério do Turismo.

———————————————————-

Com informações da Sedetur

Um comentário sobre “São Miguel dos Milagres discute novo Mapa do Turismo

  1. Severino Cassiano Ferreira

    Incentivar ,propagar e manter o Turismo dessa região merece atenção de todos nós!E é verdade,as prais mais lindas de Alagoas estão no litoral Norte do nosso Estado.E é claro,, a nossa Barra Grande!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s