APA Costa dos Corais terá mais piscinas naturais para visitação turística

APA 030302
ICMBio estabelece normas e procedimentos para autorização e uso das piscinas naturais (Foto: ICMBio)

A Área de Proteção Ambiental (APA) Costa dos Corais contará com novas piscinas naturais que serão regulamentadas para a visitação turística.

Por meio de portaria publicada no dia 2 de maio no Diário Oficial da União, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) estabeleceu normas e procedimentos para o Cadastramento e a Autorização de Uso para o exercício das atividades e serviços comerciais de visitação turística nas piscinas naturais de Ponta de Mangue, em Maragogi; da Prainha, em São José da Coroa Grande (PE); e da Zona de Conservação da Vida Marinha (ZCVM) do Peixe-Boi, nos municípios de São Miguel dos Milagres e Porto de Pedras.

Todas essas Zonas de Visitação (ZV) e a ZCVM estão inseridas na APA Costa dos Corais, maior Unidade de Conservação (UC) marinha do país, que se estende do litoral Sul de Pernambuco ao Norte de Alagoas.

O chefe substituto do Núcleo de Gestão Integrada ICMBio Costa dos Corais, Ulisses Santos, informou que será estabelecido e executado um plano de trabalho para a implementação gradativa das novas piscinas naturais.

A expectativa, segundo ele, é que até novembro deste ano, todos os operadores estejam regularizados e com as devidas autorizações para a exploração comercial desses espaços de banho e contemplação da vida marinha. As prefeituras municipais também deverão estar aptas para emitir os alvarás.

No tocante à Zona de Conservação da Vida Marinha (ZCVM) do Peixe-Boi, nos municípios de São Miguel dos Milagres e Porto de Pedras, serão implementadas até sete pequenas piscinas naturais, onde só jangadas poderão operar na realização dos passeios. O objetivo é incentivar o turismo de base comunitária, feito pelos próprios moradores e com baixo impacto ambiental.

Plano de manejo

Oficinas 2As piscinas naturais atualmente regulamentadas para a visitação turística são: Taocas, Barra Grande e Galés, em Maragogi; Japaratinga e Paripueira. Em Maragogi, por exemplo, as piscinas naturais são o principal atrativo turístico do lugar, gerando emprego e renda.

Estão, ainda, em processo de avaliação para implementação as piscinas naturais de Passo de Camaragibe (Marceneiro, Barra e Morros do Camaragibe). Mas, Ulisses Santos salienta que as demais áreas passíveis de ordenamento para visitação só serão regulamentadas com a revisão total do plano de manejo da APA Costa dos Corais, cuja publicação está prevista para março de 2019.

Este mês, o ICMBio promoverá quatro consultas públicas sobre o zoneamento nos municípios de Tamandaré ( dia 14), Maragogi (15), Porto de Pedras (16) e Maceió (17).

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s